Artesãs e costureiras são beneficiadas com curso on-line de empreendedorismo pelo Projeto Rede + Renda

Costureira participante do Rede + Renda manuseando a máquina de costura.

O projeto Máscara + Renda, criado para beneficiar costureiras de todo o Brasil que perderam suas rendas na pandemia, ganha continuidade com o projeto Rede + Renda. A iniciativa da Fundação Vale e a Rede Astra, lançada em agosto, dá prosseguimento às ações iniciadas em caráter emergencial e selecionou as 1.200 artesãs com maior engajamento nos seus trabalhos e evolução nas aulas da Escola de Negócios das Artesãs para continuarem seus estudos virtuais e aprofundarem os conhecimentos sobre empreendedorismo. As participantes do projeto também vão receber mentoria em diferentes áreas de seus negócios, como design de produtos, acesso a mercado, lives de vendas ao vivo e criação de vitrines virtuais.

Cada aluna receberá uma ajuda de custo no valor de R$ 100 durante os quatro meses do projeto, e ainda terá disponível o valor de R$ 100 para cobrir os gastos com materiais. No final da formação empreendedora, as participantes contarão com apoio da equipe de especialistas para aprender e comercializar seus produtos em grandes sites de vendas.

Na aula inaugural, a coordenadora de programas e projetos na Rede Asta, Rita Mendes, detalhou as principais atividades do programa: Educação Empreendedora (com trilha de formação personalizada); Círculo de Lideranças Empreendedoras (momentos de diálogo para abordar temas emocionais); Design de Produtos, com acesso a cursos gravados com a metodologia Renato Imbrosi para aprimoramento do design dos produtos e Acesso ao Mercado Digital, um treinamento prático sobre as tendências na área para impulsionamento das vendas. Na primeira aula de design, Renato Imbrosi incentivou as artesãs a descobrir seus pontos fortes e uma maneira de ganhar destaque no mercado, com criatividade e inovação.

“​Maravilhoso! Vou aproveitar bastante para absorver todo conhecimento do curso”, comemorou a aluna Ramona Souza. “Gratidão! Todo o incentivo é bem-vindo. E, além do investimento em formação, esta bolsa é também muito estimulante”, acrescentou a artesã Mylene Carvalho.

Apoio institucional