Fundação John Deere destina R$ 480 mil à região de Horizontina

A Fundação John Deere, que desenvolve ações de promoção da responsabilidade social nas comunidades em que a John Deere no Brasil possui operações, definiu para este ano um investimento de R$ 480 mil em ações culturais e sociais na região de Horizontina (RS).

O Centro Cultural Carreteiros do Horizonte é uma das iniciativas selecionadas. Em três anos, a Fundação John Deere já investiu mais de R$ 770 mil no projeto. Em 2013, o valor será de R$ 250 mil para a sequência das obras. O início das operações é muito esperado pela comunidade. O primeiro evento, programado para junho deste ano, será um concurso regional e cerca de 2 mil pessoas são esperadas.

Outro projeto que continuará sendo apoiado na cidade é o Oficinas Culturais Fundação John Deere, que oferece aulas gratuitas de teatro, música e balé clássico para 158 crianças matriculadas nas escolas da rede municipal. Desde que começou, em junho de 2012, a ação obteve um grande envolvimento da população. A novidade este ano será a integração das três oficinas em eventos para que os participantes ponham em prática tudo que aprenderam. Considerando a falta de escolas em tempo integral nas comunidades agrícolas, as ações são realizadas fora do período de aulas para que os alunos estejam o dia inteiro ocupados em atividades educativas.

A instituição vai manter ainda o apoio ao programa “Encontro de Pais”, da APAE Três de Maio. Trata-se de um projeto que visa, por meio de palestras, ensinar pais e familiares de pessoas com deficiência a lidar com situações adversas dentro do convívio familiar, mostrando-lhes novos parâmetros e realidades. A APAE Três de Maio atende hoje 230 alunos, que seguirão sendo beneficiados pelo projeto.
Para saber mais sobre os projetos da Fundação John Deere, clique aqui.