Semana Mundial do Brincar mobiliza o campo social

Diversos eventos marcam uma das principais iniciativas voltadas para a causa da infância no mês de maio. Realizada entre os dias 22 e 28, a Semana Mundial do Brincar (SMB) articula organizações sociais, investidores e cidadãos em ações voltadas para crianças e famílias no Brasil inteiro.

A Aliança pela Infância, organização que mobiliza uma série de parceiros para o evento, busca sensibilizar a sociedade sobre a importância do brincar e a essência da infância. Com o tema “O Brincar que Encanta o Lugar”, a iniciativa acontece em uma série de espaços – públicos e privados -, promovendo brincadeiras, palestras e debates.

O objetivo é explorar ao máximo o brincar, sob todas as formas, incentivando para que ele tome conta de espaços dos diversos lugares nas cidades: instituições públicas e privadas, escolas, ruas e famílias. Com essa proposta, a Aliança pela Infância também defende que o adulto nunca perca o encantamento de seu olhar sobre a infância, dando espaço e tempo para as crianças exercerem o brincar livre.

Organizações, indivíduos e grupos voluntários podem participar da Semana Mundial do Brincar, tomando para si a responsabilidade de proporcionar às crianças uma infância plena, cheia de brincadeiras. Todas as ações devem ser gratuitas e valorizar a união de pessoas de idades e culturas diferentes.

Para dar luz a esse brincar, que é fonte de prazer, aprendizado e troca de saberes e que respeita a cultura da infância como parte da sua própria essência, a Aliança pela Infância preparou o Guia da Semana Mundial do Brincar. Seu objetivo é apresentar textos reflexivos e sugestões práticas, a fim de inspirar educadores, pais, gestores públicos, agentes comunitários e todos os adultos que queiram envolver-se na aventura espacial deste brincar livre e criativo das crianças.

O guia traz várias dicas para inspirar a realização de atividades, abordando aspectos como o “Brincar na Rua”, “Brincar na Praça”, “Brincar em Casa”, “Brincar na Escola” e “Brincar na Natureza”.

Como afirma Ute Cramer, educadora comunitária e uma das fundadoras da Aliança pela Infância, o tema não poderia ser mais urgente. “Com esta atividade criadora (do brincar) a criança reencanta o mundo ao seu redor, e, nós adultos, aprendemos a nos maravilhar, de novo, com a vida”. Para ela, o brincar ajuda a criar um alicerce de vida estável para cada criança, e essa é a nobre meta da Aliança: “Aliançar pessoas e organizações que constroem juntos este fundamento do ser da infância”.

Nesta edição, a SMB conta com o engajamento dos 32 núcleos brasileiros da Aliança, com o objetivo de difundir a importância do brincar. Realizado desde 2009, o evento é uma extensão do Dia Mundial do Brincar, celebrado em 28 de maio. Neste ano, a Semana Mundial do Brincar conta com a parceria institucional da organização Terre des Hommes e o apoio oficial de OMO, em seu movimento #LivreParaDescobrir.

No site da Aliança pela Infância é possível conferir alguns destaques de programação. Em 2015, cerca de 200 mil pessoas participaram da SMB em todas as regiões do Brasil. Foram realizadas atividades em 178 municípios de 23 Estados brasileiros.

Associados GIFE articulam ações

Em uma ação inédita, alguns associados GIFE adotaram a Semana Mundial do Brincar como mote para algumas iniciativas de seu voluntariado corporativo.

A Fundação Telefônica incluiu a SMB na iniciativa Game do Bem, uma rede virtual de incentivo ao voluntariado. O aplicativo está disponível para todos os funcionários do Grupo Telefônica, que podem acessar e participar da agenda de ações conquistando pontos para seu avatar.

Já o Instituto Walmart adotou a Semana como tema oficial da principal ação de voluntariado do Walmart Brasil em 2016, chamado Dia na Comunidade. Pela primeira vez a iniciativa será voltada ao brincar. Em 2015, mais de 3.700 funcionários participaram.

“Em sua décima edição, o Dia na Comunidade, iniciativa de voluntariado corporativo do Instituto Walmart, adotou esse ano a Semana Mundial do Brincar porque acredita que a brincadeira deve estar presente em diversas fases situações da vida das pessoas. O brincar pode se manifestar em uma roda de conversa com amigos, em um sorriso, em um ato de gentileza e generosidade, em ajudar o próximo, em dançar e na brincadeira, propriamente dita. O ato de brincar é alegria, doação, bom humor e afeto. E é isso que queremos levar para o nosso Dia na Comunidade 2016”, aponta Luiz Herrisson, diretor do Instituto Walmart.

Um olhar sobre a primeira infância

Outro destaque do mês é o lançamento do filme “O começo da vida”, da diretora Estela Renner. O documentário, que contou com uma seção especial no último Congresso GIFE, é uma iniciativa da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal (FMCSV), Instituto Alana, Maria Farinha Filmes, Fundação Bernard Van Leer e Unicef.

O filme é um trabalho inédito sobre a primeira infância – fase que vai da gestão aos seis anos –  e estreou na última semana nos cinemas. O material também está disponível na plataforma online gratuita Videocamp, na qual qualquer cidadão poderá acessar o documentário e promover uma exibição gratuita em sua localidade, mobilizando mais pessoas para o tema.

Apoio institucional