Prêmio Empreendedor Social: conheça as 30 iniciativas contempladas pela edição especial Covid-19

Realizado há 16 anos pela Folha em parceria com a Fundação Schwab, o Prêmio Empreendedor Social deste ano realizou uma edição especial com três categorias: Ajuda Humanitária, Mitigação da Covid-19 e Legado Pós-Pandemia.

Com número recorde de inscrições (414), o Prêmio Empreendedor Social do Ano em Resposta à Covid-19 avaliou iniciativas de organizações da sociedade civil (OSCs), negócios sociais, movimentos, coalizões de grupos, articulações multisetoriais, entre outros modelos de atuação.

Realizada no dia 7 de dezembro, a cerimônia virtual de premiação reconheceu 30 iniciativas, dez em cada categoria, desde projetos de alcance nacional até ações comunitárias e soluções inovadoras em áreas como saúde, educação, mobilidade, entre outras.

Campanha de combate à fome, tecnologia criada para humanizar a rotina de pacientes e profissionais da saúde, projeto de fomento a cozinhas solidárias, mobilização para garantia de renda a catadores e atendimento médico a populações de rua são algumas das trinta ações contempladas.

Os contemplados serão agraciados com uma série de benefícios que somam mais de 400 mil reais entre cursos e mentorias e seleção para programas especiais. Além disso, os empreendedores selecionados ganham projeção nacional e internacional, reforçada pelo alto nível de qualificação e pelo networking oferecidos pelos parceiros do Prêmio, pela Rede Folha de Empreendedores Socioambientais e pela Rede Schwab.

Cerimônia adaptada e webinário

Em razão dos protocolos sanitários, a participação dos finalistas se deu por meio de vídeos pré-gravados. Três deles participaram da cerimônia por videoconferência, representando os dez destaques de cada categoria. Os 30 finalistas foram homenageados em um videoclipe com imagens dos premiados recebendo seus certificados em casa.

Realizado durante o webinário “Boas Práticas na Resposta à Covid-19”, o evento contou com um debate sobre a atuação dos empreendedores sociais no contexto da crise sanitária, social e econômica gerada pelo novo coronavírus.

Participaram da conversa, mediada pela jornalista Eliane Trindade, Carlos Eduardo Pignatari, gerente corporativo de impacto social da Ambev; Luis Fernando Guggenberger, gerente-executivo de Inovação e Sustentabilidade da Vedacit e membro do Conselho de Governança do GIFE; Marcelo Prim, gerente-executivo de Inovação e Tecnologia do Senai; e Marcia Woods, presidente do Conselho da Associação Brasileira de Captadores de Recursos (ABCR).

A cerimônia e o debate estão disponíveis neste link. Saiba mais sobre as iniciativas contempladas aqui.

O Prêmio Empreendedor Social do Ano em Resposta à Covid-19 teve patrocínio de Ambev, Sesi/Senai e Coca-Cola e contou com o apoio da Vedacit e parceria estratégica de Ashoka, British Council, ESPM, Fundação Dom Cabral, Prosas, Pacto Global e UOL.

Notícias relacionadas

Especial redeGIFE #1 | Covid-19: Desafios e perspectivas no Brasil c/ Neca Setubal

O episódio estreia a série “Especial redeGIFE”, do Podcast GIFE. Entre outros assuntos, a socióloga fala sobre a importância de uma articulação cada vez mais estratégica entre as instituições do investimento social privado e destas com a sociedade civil e o poder público para o enfrentamento das desigualdades e o desenvolvimento dos territórios.

Apoio institucional