Programa de aceleração busca soluções inovadoras para saneamento básico brasileiro

Mais de quatro milhões de brasileiros não têm acesso a banheiros, enquanto mais de 96 milhões não contam com coleta e tratamento de esgoto. Com o objetivo de ajudar a mudar a realidade do saneamento básico no Brasil, estão abertas as inscrições da primeira edição do Programa de Aceleração de Iniciativas Inovadoras no Setor de Saneamento.  

A iniciativa integra o projeto global “Banheiros Mudam Vidas” da Neve, marca da multinacional americana Kimberly-Clark, e conta com apoio do Instituto Iguá e execução técnica do Sense-Lab. O programa visa apoiar projetos e negócios que ofereçam novas soluções para pelo menos um de três desafios: sensibilizar e mobilizar a população quanto à importância da coleta de esgoto, implementar tecnologias inovadoras de coleta e tratamento de esgoto doméstico e promover o tema como pauta prioritária na agenda política. 

São convidadas a participar startups e projetos acadêmicos ou de organizações da sociedade civil, desde que já tenham produtos ou serviços desenvolvidos, testados e/ou lançados, com foco, direto ou não, na promoção da melhoria do saneamento brasileiro, além de visar a geração de impacto com um modelo financeiramente sustentável, principalmente em comunidades onde as soluções atuais têm dificuldade de atuar. 

O Programa 

O Programa de Aceleração tem duração total de quatro meses. É durante esse período que os participantes terão acesso a oficinas presenciais e virtuais, além de sessões individuais com o objetivo de tratar sobre suas necessidades específicas. 

Entre os conteúdos que serão disponibilizados para os participantes estão: Modelo C; Modelos de Receita; Teoria de Mudança; processos de inovação social; Quociente Empreendedor; Lean Startup, Effectuation, Prototipagem (QEMP); ferramentas para planejamento de negócios; entre outras. 

O Programa tem previsão de término em fevereiro de 2020. Os participantes serão avaliados por uma banca de profissionais do setor, que serão responsáveis por escolher até quatro iniciativas para receber R$ 50 mil, além de um acompanhamento de março a agosto de 2020. 

Seleção 

Com base na estrutura e dedicação da equipe, resultados prévios da solução, protótipos e pilotos executados e capacidade de entrega de resultados – de impacto e financeiro -, serão selecionadas 12 iniciativas para participar presencialmente de uma oficina de três dias, a ser realizada em outubro, em São Paulo. 

Desse encontro, equivalente à última fase de seleção dos participantes, serão selecionadas de oito a dez propostas, que participarão dos quatro meses do Programa de Aceleração. 

Inscrições 

Os interessados em participar da seleção devem se inscrever até 25 de agosto mediante preenchimento do formulário no site da iniciativa. Todas as regras do Programa estão no regulamento, disponível neste link. Eventuais dúvidas devem ser encaminhadas para o e-mail [email protected]

Notícias relacionadas

Apoio institucional