Fundação Odebrecht lança campanha de educação ambiental

Para reforçar o Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho, a Fundação Odebrecht realiza este mês, junto à Organização de Conservação da Terra (OCT), a campanha do Programa Carbono Neutro Pratigi. A iniciativa desperta para os danos diários causados ao meio ambiente pela emissão de Gás Carbônico (CO2) e orienta como minimizar esses impactos. Integrantes do Grupo Odebrecht e a sociedade em geral serão impactos com veiculação de conteúdos, como vídeos e reportagens, chamando atenção para a temática nas redes sociais da instituição e na imprensa.

Criado em 2012, o programa possibilita que pessoas físicas e eventos calculem o quanto emitiram de CO2 em um ano e façam a sua neutralização com a ajuda da OCT, que realiza o plantio de árvores visando a recuperação de nascentes degradadas na Área de Proteção Ambiental (APA) do Pratigi, Baixo Sul da Bahia.

“Essa neutralização se dá no crescimento da planta nos seus primeiros 30 anos”, diz Bruna Sobral, responsável por Planejamento Socioambiental na OCT, ao explicar que se trata de uma convenção internacional. “Ela [a planta] está estocando o carbono que tira da atmosfera para construir sua massa e crescer”. A OCT prevê que um hectare restaurado, após as três décadas de crescimento da árvore, é capaz de “sequestrar” até 275,1 toneladas de CO2.

As árvores são plantadas dentro de propriedades de agricultores familiares selecionados pela OCT, remunerados via Programa de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA), iniciativa que oferece orientação e apoio financeiro para o plano integrado das propriedades apoiadas pelo Carbono Neutro Pratigi. São pequenos produtores que se beneficiam, principalmente, com a recuperação das matas ciliares, vendo a água brotar novamente. Com a orientação dos técnicos da OCT desde 2012, hoje, a nascente de Jovan Nascimento, primeiro agricultor beneficiado pela iniciativa, virou um cartão postal da região. “É difícil passar um carro aqui e uma pessoa não olhar”, diz. Com o trabalho de recuperação, 2.500 árvores foram plantadas, representando uma floresta composta por espécies nativas da Mata Atlântica, como jacarandá, ingá e sucupira.

A ação com as nascentes, no entanto, não se encerra no plantio de árvores. Segundo Rogério Ribeiro, Coordenador de Conservação Ambiental da OCT, é oferecida uma estrutura ao produtor para que ele possa compreender que sua nascente representa um forte elemento para a sustentabilidade global. “O Carbono Neutro Pratigi traz um pacote completo. Nós apoiamos a restauração da nascente e continuamos acompanhando a área”, explica. Assim, são oferecidos cursos, capacitações e o próprio planejamento do imóvel rural para que o agricultor aprenda a melhor forma de manter sua área conservada.

Para Cristiane Nascimento, responsável pelo Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS) da Fundação Odebrecht, é de suma importância que a população em geral desperte para suas próprias ações e como elas impactam o meio ambiente. “É a possibilidade de parar um pouco e olhar para si mesmo, para o que fazemos”, comenta ela. “Estamos em um momento oportuno, no qual sensibilizamos as pessoas para essa autorreflexão por um mundo mais sustentável. Ao mesmo tempo, a Fundação Odebrecht e a OCT têm um serviço a ser feito para quem já tem essa consciência e quer, de alguma maneira, compensar ou mitigar um pouco da sua pegada ambiental”, reforça.

Como participar?

No site da OCT, uma calculadora virtual avalia a emissão de CO2 referente a um ano com base em dados como o consumo de energia, combustível e quantidade de viagens de avião. O resultado da emissão, dado em toneladas, é então convertido em quantidade de árvores a serem plantadas para que haja a compensação e quanto deve ser investido para que o plantio seja feito pela própria OCT. É possível pagar 100%, 75%, 50% ou 25% do valor, recurso enviado diretamente para a OCT via PagSeguro. Ao final, o participante recebe um certificado comprovando a atuação protagonista.

Material produzido pela Fundação Odebrecht

Leia Mais