Global Social Venture Competition seleciona novos negócios tecnológicos para apoio e mentoria

Empreendedores de negócios com ou sem fins lucrativos em estágio inicial: fiquem atentos. Até 3 de dezembro, estão abertas as inscrições para o The Global Social Venture Competition (GSVC), um prêmio que seleciona empreendedores do mundo todo para receber financiamento e mentoria para que suas ideias se transformem em negócios concretos que respondem a desafios globais a partir do uso da tecnologia.

Para participar da chamada de 2019, os projetos devem ter pelo menos um componente tecnológico – seja um produto, hardware, software, plataforma web, aplicativo de celular, wireless, entre outras possibilidades -, usando o que a competição chama de “tecnologia para o bem”.

A competição acontecerá em três rodadas. Em cada uma delas, os participantes deverão apresentar aspectos sociais, financeiros e ambientais de seus negócios.

Existem requisitos de participação tanto para as equipes quanto para as propostas. Equipes devem incluir pelo menos um estudante ou profissional recém-formado que participe ativamente do negócio e esteja presente na apresentação durante as duas últimas rodadas do prêmio.

Já os projetos devem ter a projeção de ser autossuficiente do ponto de vista financeiro, ter um potencial de escala, ter menos de dois anos de existência, não ter recebido mais de 500 mil dólares em sua história, entre outros. Todos os critérios de elegibilidade podem ser conferidos neste link.

Com um montante de cerca de 80 mil dólares para a premiação, serão distribuídos seis prêmios: primeiro lugar (40 mil dólares), segundo lugar (25 mil dólares), terceiro lugar (10 mil dólares), Prêmio Priya Haji Memorial (2.500 dólares), Escolha do Público (1.500 dólares) e Prêmio Pitch (1 mil dólares).

Os negócios serão julgados de acordo com três grupos de critérios (potencial de negócio, potencial de impacto social e potencial de sucesso), onde serão avaliados como negócios fortes aqueles que unem propostas para solução de problemas ambientais, econômicos e/ou sociais a uma oportunidade econômica.

As inscrições podem ser realizadas até 3 de dezembro. A submissão de cada projeto deve contar com um sumário executivo, entrevistas com stakeholders (já concretos ou potenciais como clientes, parceiros e especialistas da indústria) e minibiografias dos integrantes da equipe, todos redigidos em inglês (confira regras e detalhes de cada item aqui). As inscrições devem ser feitas neste link e projetos brasileiros se encaixam na categoria América Latina.

Related news