Instituto Ayrton Senna lança podcast para falar sobre as várias maneiras de aprender

Pensando em inspirar professores de todo o país interessados em realizar transformações em suas salas de aula, escolas e comunidades e em trazer a educação integral para o debate de toda a sociedade, o Instituto Ayrton Senna lançou o Nada Sei.

Em sua primeira temporada, o podcast explora diferentes áreas da ciência dedicadas à aprendizagem. É possível aprender além dos muros da escola? Como aprendemos observando e ouvindo? Qual é o papel da emoção e do erro no processo?

Essas são algumas das reflexões desenvolvidas ao longo de sete episódios, que contam com a apresentação de Ana Paula Xongani – empresária e criadora de conteúdo nas redes sociais –, e a presença de dois convidados – um especialista em educação e uma pessoa da sociedade que se relaciona com o tema. Trazendo pais, alunos, professores, diretores, gestores e pedagogos para a mesma conversa, o programa busca expandir a compreensão sobre que fatores impactam o ensino e a aprendizagem e como é possível melhorar a educação em todos os seus níveis e formas.

A iniciativa tem como parceira a B9, comandada por Cris Bartis e Juliana Wallauer, que estão à frente do Mamilos – o segundo podcast mais ouvido do país.

Fabiana Fragiácomo, gerente executiva de comunicação do Instituto Ayrton Senna, explica que o podcast é fruto da missão do Instituto de produzir e disseminar conhecimentos e apoiar educadores de todo o país na construção de uma educação integral de qualidade para todas as crianças e jovens do Brasil.

“O Nada Sei é um convite para toda a sociedade falar mais sobre educação. Nos últimos 25 anos, o Instituto Ayrton Senna tem se dedicado ao desenvolvimento integral de crianças e jovens por meio da produção de conhecimento baseado em evidências e, como centro de inovação, vem sugerindo caminhos para que crianças, jovens e educadores possam viver plenamente e enfrentar os desafios desse século. O Nada Sei é mais um passo nesse caminho. Nosso objetivo é explorar novos canais para levar a causa da educação a uma audiência mais ampla”, observa.

Fabiana conta que a expectativa é que o programa tenha vida longa. “Queremos que seja sustentável e gere novos frutos. É para nós também uma oportunidade de rever nossa comunicação, linguagem e estratégia para fazer mais e melhor.”

Episódios

A experiência real de crianças é o ponto de partida de cada episódio. A partir de suas vivências, o podcast investiga o impacto de diferentes formas de aprendizagem.

No primeiro episódio da primeira temporada, Ana Paula recebe Inês Miskalo, historiadora, pedagoga e integrante do time de Educação do Instituto Ayrton Senna; e André Hoshoi, músico, multi-instrumentista, designer gráfico e integrante do grupo musical Barbatuques desde sua criação.

Já o segundo episódio conta com a presença de Cynthia Sanches, gerente de design de soluções educacionais do Instituto Ayrton Senna; e Ana Paula Gaspar, licenciada em história pela Universidade Federal de Minas Gerais, especialista em comunicação digital e representante do Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB).

O terceiro programa reúne com Ana Carolina Netto, mestre em Estudos do Desenvolvimento e parte do time do Instituto Ayrton Senna; e Guilherme Brockington, professor no Centro de Ciências Naturais e Humanas da Universidade Federal do ABC e pesquisador do papel da emoção na construção de conhecimento científico e do afeto nas tomadas de decisão.

Entre os assuntos abordados pelos sete episódios estão o aprendizado por meio do fazer, o salto tecnológico da informação, como transformar informação em conhecimento e a importância das emoções no processo de aprendizado. 

O podcast Nada Sei está disponível no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e Pocket Casts.

Agendas Estratégicas

Notícias relacionadas

Está no ar o Podcast GIFE!

O GIFE estreia hoje o Podcast GIFE. A proposta dessa nova iniciativa de comunicação é qualificar o debate de temáticas do Investimento Social Privado (ISP). “Educação Já!” é o tema da primeira série especial.

Apoio institucional