União de esforços para proteção de crianças e adolescentes

A defesa dos Direitos Humanos é um dos pilares da atuação do Instituto Yamana. Para manter vivo esse trabalho, o Instituto realiza diversas ações nas comunidades em que atua, com o objetivo de promover o diálogo e a conscientização sobre diversos temas.

Na cidade baiana de Jacobina, o Instituto promoveu em maio a Semana da Família. A iniciativa focou em temas como a violência doméstica e o combate ao abuso e exploração sexual de crianças e de adolescentes. Esses assuntos foram discutidos em um Café da Manhã com mulheres das comunidades de Itapicuru e Jaboticaba, no Centro de Referência de Atendimento à Mulher de Jacobina (CRAM). Além disso, segmentos como hotéis e postos de combustíveis da região passaram por uma capacitação direcionada à prevenção e combate à exploração sexual de crianças e adolescentes.

O Instituto também promoveu ampla campanha de divulgação pelos meios de comunicação, além de panfletagem e passeata com outros atores sociais de Jacobina.

Em Goiás

A Semana da Família também beneficiou as comunidades de Alto Horizonte, Nova Iguaçu e Campinorte, em Goiás. Novamente, o combate ao abuso e exploração sexual de crianças e de adolescentes foi o tema da ação, que foi realizada em parceria com Conselhos Tutelares, Secretarias de Assistência Social, DETRAN e polícias rodoviárias do estado e da União. A programação do evento abriu espaço para palestras, apresentações teatrais, caminhadas e blitz educativas nas rodovias GO347 e BR153. No total, mais de 2.600 pessoas foram atingidas pela ação.

Para o diretor executivo do Instituto, Osvaldo Filho, esse conjunto de ações é fundamental para alertar as comunidades do entorno das operações da empresa sobre o tema.

“Nossa atuação objetiva, em parceria com a Childhood Brasil, contribui para alertar a sociedade sobre os cuidados e proteção com nossas crianças e adolescentes. A informação é essencial para que a comunidade possa identificar e tomar as iniciativas necessárias para a superação desse grave problema”, concluiu.

Material produzido pelo Instituto Yamana

Notícias relacionadas