Chamada visa acelerar negócios que propõem soluções para uma alimentação saudável, acessível e sustentável

Empreendedores que têm negócios inovadores focados no setor de alimentação, fiquem atentos. Já estão abertas as inscrições do Artemisia Lab Alimentação, programa de aceleração da Artemisia, realizado em parceria com a Fundação Cargill.

Para participar, é preciso que as iniciativas estejam diretamente relacionadas a alimentação saudável, acessível e sustentável, além de terem potencial para melhorar a saúde e a qualidade de vida da população brasileira.

Quatro Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) se relacionam diretamente à temática da chamada de projetos: 1. Erradicação da pobreza; 2. Fome zero e agricultura sustentável; 3. Saúde e bem-estar e 12. Consumo e produção responsáveis.

Dentro desse escopo, a Artemisia busca soluções que trabalhem com alguns temas prioritários, como: aumento do acesso a frutas, verduras e legumes, principalmente para pessoas que vivem em locais que não possuem venda desses alimentos; aumento do acesso a refeições equilibradas; aproximação entre consumidor e produção; soluções que apoiem a educação para uma alimentação saudável; promoção do armazenamento adequado para evitar perdas e desperdícios; apoio à gestão pública e promoção de hábitos saudáveis e reeducação alimentar.

Estão dentro do escopo do edital startups com protótipo ou produto/serviço desenvolvido, em fase de testes no mercado, até negócios em início de venda. Projetos ainda em fase de ideação não podem participar.

Seleção e inscrição

A seleção das propostas será dividida em três fases: triagem dos candidatos a partir da análise dos formulários de inscrição; entrevistas à distância (por Skype, Hangout ou telefone) com os aprovados na primeira etapa, e, finalmente, seleção pelo Comitê Julgador.

Nesse momento, um grupo de especialistas fará uma análise detalhada das informações fornecidas no momento da inscrição. Para isso, levarão em conta os seguintes critérios: impacto social (negócios que apresentam melhoria ou potencial para aumentar a qualidade de vida da população, principalmente de baixa renda); perfil do empreendedor e da equipe (histórico de realizações dos envolvidos no projeto, assim como consistência do grupo); potencial de escala (projetos que podem ser ampliados e atender milhões de pessoas); estágio de maturidade do negócio e potencial de inovação.

Ao final do processo, serão selecionados até 15 negócios em estágio inicial para receber uma mentoria com duração de seis semanas. Esse acompanhamento será dividido em workshops presenciais, que serão realizados em São Paulo nos dias 23 e 24 de agosto e 4 e 5 de outubro, e webinars temáticos, que acontecerão nos dias 5 e 19 de setembro.

Depois da mentoria, até três negócios que se destacarem no processo poderão receber acompanhamento extra e capital semente de até R$ 20 mil cada.

As inscrições podem ser realizadas até 16 de julho neste link. Os selecionados serão comunicados até 13 de agosto. Todas as regras sobre a chamada estão no regulamento e no site. Eventuais dúvidas podem ser esclarecidas na seção “FAQ” do site ou pelo e-mail artemisia@artemisia.org.br.

Notícias relacionadas