Instituto Ecofuturo e Suzano iniciam implantação de quatro Bibliotecas Comunitárias no Maranhão

A iniciativa está associada ao Programa Escola Digna, desenvolvido pelo Governo do Estado em parceria com o setor privado

O Instituto Ecofuturo e a Suzano iniciaram a implantação de quatro Bibliotecas Comunitárias no Maranhão: no povoado de Mangabeira (Urbano Santos), no Vale do Açaí (Açailândia), no assentamento Cikel Vila do 8 (Buriticupu) e na aldeia indígena Jerusalém (Sítio Novo). A inauguração das bibliotecas está prevista para o fim deste ano.

As unidades integram o acordo da empresa com o Governo do Estado no âmbito do Programa Escola Digna, uma iniciativa da Secretaria de Estado da Educação (Seduc-MA) com objetivo de promover a substituição de escolas em condições precárias e oferecer assessoria técnico-pedagógica.

“Por meio das nossas bibliotecas, promovemos a leitura e o acesso aos livros e, com isso, contribuímos para formação de pessoas mais conscientes e críticas. Já comprovamos, também, que quando instalada dentro da escola, a unidade colabora para um melhor desempenho dos alunos e, por ser aberta à comunidade, amplia a participação dos pais na vida escolar dos filhos”, afirma Paulo Groke, Diretor Superintendente do Ecofuturo.

O próximo passo são as formações gratuitas oferecidas pelo projeto a educadores e comunidade do entorno. A partir de setembro, serão realizados cursos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura, e uma oficina sobre educação ambiental – além de um curso sobre Gestão e Sustentabilidade, voltado a funcionários do poder público dos municípios.

Criado em 1999, o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo tem como objetivo incentivar a promoção da leitura desde a primeira infância como ferramenta para a formação de cidadãos mais conscientes e críticos. Segundo estudo divulgado pelo Ecofuturo em 2018, as bibliotecas da rede colaboram com o aumento do rendimento escolar nos municípios em que estão presentes. São 114 bibliotecas implantadas em 12 Estados, com média de 6 mil atendimentos por ano em cada unidade e mais de 4 mil pessoas formadas nos cursos oferecidos pelo Instituto.

A Suzano já patrocinou a implantação de outras quatro Bibliotecas Comunitárias Ecofuturo no Maranhão, além de mais de 50 por todo o país. “Está na essência da Suzano o cuidado com as comunidades onde atuamos. Queremos compartilhar valor e inspirar as pessoas – e acreditamos que a educação é fundamental para promover a transformação da sociedade. Por isso, investimos em ações que colaboram com o empoderamento dos cidadãos”, conclui Ana Paula Pulito, Coordenadora de Desenvolvimento da Suzano, no Maranhão.

Notícias relacionadas

Apoio institucional