“Comunicação Transformadora” será o tema do segundo encontro da Rede Narrativas

No dia 18 de setembro, o espaço CIVI-CO, em São Paulo, sediará o segundo encontro da Narrativas.

O segundo encontro terá como tema “Comunicação Transformadora”. A ideia é discutir o conceito e proporcionar um espaço de troca de experiências entre os presentes.

Além disso, serão apresentados dois casos de organizações que visam a transformação social e usam a comunicação de forma estratégica. Um deles é a campanha “Chega de Fiu Fiu”, criada pela ONG feminista Think Olga com o objetivo de combater o assédio sexual em locais públicos. O outro é o “Menos 1 Lixo”, movimento sobre consumo consciente criado em 2015 a partir da vontade de produzir menos lixo e provar que atitudes individuais, mesmo que pequenas, já fazem diferença na construção de um mundo mais sustentável.

Inscrições

Aberto a todos os interessados, o evento acontecerá no dia 18 de setembro, às 16h30, no CIVI-CO, localizado na rua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 445, em Pinheiros, São Paulo.

As inscrições devem ser feitas por meio deste formulário. Quem não puder participar presencialmente pode acompanhar a transmissão ao vivo neste link.

Sobre a rede

Lançada durante o X Congresso GIFE (assista ao lançamento aqui), a rede reúne comunicadoras e comunicadores do terceiro setor que atuam com comunicação de causas, e chama atenção para a importância de as organizações da sociedade civil (OSCs) apostarem na comunicação estratégica para pautar suas agendas e gerar mudanças. Em seu manifesto, está explicitada a vontade de “conectar comunicadores, promover a troca de informações e de experiências e fortalecer a comunicação como área estratégica nas organizações”.

Idealizada por nove instituições (Instituto Ayrton Senna, Instituto C&A, Mc&Pop Comunicação, Alana, GIFE, Instituto Unibanco, Fundo Brasil de Direitos Humanos, Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal e agência Cause), a rede Narrativas promoveu seu primeiro encontro em maio com o objetivo de levantar as expectativas e desafios dos profissionais da comunicação, a fim de definir estratégias de atuação da rede para 2018.

Notícias relacionadas