Plataforma busca incentivar práticas de igualdade racial no ambiente corporativo

 

Apesar da sociedade brasileira ser composta por inúmeras raças e etnias, o preconceito ainda é latente e acompanha milhares de pessoas no dia a dia. Como uma forma de promover o debate, a articulação e compromisso de empresas com a questão da inclusão de jovens negros, a organização Afrobras, em parceria com a Universia e o Santander, lançaram a plataforma “Iniciativa Empresarial pela Igualdade”.

O portal parte do princípio que o empresariado pode possibilitar, de forma rápida e efetiva, a promoção do respeito a todas as pessoas a partir da redefinição de suas práticas e cultura organizacional. Sendo assim, a intenção é reunir empresas e possibilitar que, juntas, possam discutir sobre o compromisso do empresariado brasileiro com a inclusão, promoção e valorização da diversidade étnico-racial.

O aumento da presença de profissionais negros nos ambientes corporativo, empreendedor e de negócios, assim como a sensibilização do meio empresarial e da sociedade para a promoção de práticas de igualdade racial, são só algumas das medidas propostas.

Para que esse conjunto de metas seja atingido, foram elaborados Dez Compromissos com a Promoção da Igualdade, entre eles: promoção da igualdade de oportunidade e tratamento justo a todas as pessoas; promoção de um ambiente respeitoso, seguro e saudável para todos; sensibilização para o respeito e promoção da diversidade racial; estímulo e apoio a criação de grupos de afinidade sobre o tema; promoção do desenvolvimento econômico e social na cadeia de valor dos segmentos étnico-raciais em situação de vulnerabilidade e exclusão na cadeia de valor, entre outros (leia aqui a carta de adesão à iniciativa).

Grandes empresas já são signatárias, como Santander, Carrefour, Coca-Cola, Google, Bradesco, Itaú, Microsoft, Fundação Banco do Brasil, entre outras. O poder público também está representado nesse grupo, com a participação do Ministério da Educação e do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

Frentes de Trabalho da plataforma

Para cumprir com suas proposições, a plataforma divide-se em algumas frentes de trabalho, como o “Banco de Talentos”, no qual as empresas podem disponibilizar suas vagas e acessar profissionais negros e a “Plataforma de Aprimoramento Profissional”, com oferta de cursos e conteúdos para complementar a formação profissional.

Anderson Pereira, diretor da Universia, explica que, no Banco de Talentos, por exemplo, a ideia é ligar aqueles que procuram emprego com empresas que têm vagas a oferecer. “Por meio da participação nos diversos fóruns, a Universia, uma das empresas que integra a Iniciativa Empresarial pela Igualdade, identificou junto à Afrobras e demais empresas participantes, a possibilidade de gerar um banco de talentos para possibilitar que empresas e profissionais em busca de oportunidades se encontrassem. Assim a Universia, que tem uma rede integrada com mais de 300 portais profissionais e universitários, disponibilizou a solução online para usufruto da Iniciativa Empresarial pela Igualdade, na qual empresas podem publicar vagas gratuitamente e candidatos, seus currículos. O gerenciamento é realizado pela Afrobras.

Além dessa, estão previstas outras ferramentas que integrarão a plataforma, como o Banco de Fomento e Funding, para 2019, que será um mecanismo de captação e viabilização de recursos, para o investimento e financiamento dos negócios afroempreendedores.

Também para o ano que vem, há a proposta de lançar o Banco de Negócios, um espaço que reunirá afroempreendedores, empresas, governo e instituições financeiras e de ensino, com o objetivo de inclusão, incorporação e empoderamento de profissionais negros no ambiente do empreendedorismo e de negócios empresariais. Todas as iniciativas e suas respectivas metas de realização estão disponíveis no site da iniciativa.

Notícias relacionadas