Em 2019, uma extensa agenda de trabalho movimentou o GIFE e seus associados. Confira

“2019 foi um ano de muitos desafios para o setor do investimento social privado (ISP) e para o campo das organizações da sociedade civil (OSCs). Um contexto político de ataques e de não reconhecimento e desqualificação do trabalho dessas organizações, somado a uma postura conservadora em relação a agendas como meio ambiente e direitos humanos, resultou em retrocessos no campo social e ambiental.”

A avaliação é de Neca Setubal, presidente do Conselho de Governança do GIFE, da qual compartilha José Marcelo Zacchi, secretário-geral do GIFE, para quem, esse ambiente tensionado e fragmentário impõe dificuldades para o avanço do setor.

“Boa parte do nosso foco e energia está voltada a preservar um ambiente em que o terceiro setor possa atuar com todo seu pluralismo, inovação e liberdade em face da valorização de sua contribuição para a sociedade, enquanto poderíamos estar cem por cento dedicados àquilo que é próprio da essência do trabalho do investimento social privado e da filantropia que é somar e conectar recursos, energias e capacidades para produzir soluções concretas para os desafios da sociedade.”

Ainda assim, ambos enumeram as diversas realizações do GIFE ao longo de 2019, que produziram avanços junto ao setor.

Para José Marcelo, vale celebrar o avanço na construção e afirmação de um campo cada vez mais abrangente, diverso e qualificado.

“Durante a existência e atuação do GIFE, passo a passo temos somado camadas no engajamento de novos atores, na diversificação de estratégias, perfis e temas da agenda pública, dos públicos com quem dialogamos, dos modos de trabalho em cooperação dentro do setor e com a vida pública do país. Uma sociedade desenvolvida é uma sociedade que tem um leque maior de capacidades e a capacidade de interconectá-las para produzir respostas. Nosso principal desafio para continuar indo adiante nessa trajetória incremental contínua é de ganho, também contínuo, de qualidade, expansão e efetividade do setor.”

Confira a seguir alguns dos destaques da agenda de trabalho do GIFE em 2019.

1ª Mostra GIFE de Inovação Social

Em setembro, o GIFE realizou a 1ª Mostra GIFE de Inovação Social. A iniciativa foi um dos destaques da agenda da instituição em 2019, alcançando um público de mais de 1.300 visitantes.

Quase 300 soluções geradas ou impulsionadas pelo investimento social privado nos últimos anos em diversas partes do país estiveram expostas no Centro Cultural São Paulo, divididas em duas dimensões: ampliação de capacidades de ação coletiva e inovação nos modos de enfrentar os desafios do país. São projetos, programas, metodologias e práticas que respondem aos principais desafios da agenda pública brasileira, tais como saúde, educação, meio ambiente, geração de trabalho e renda, cultura, segurança pública, primeira infância, entre tantos outros.

Ao longo dos sete dias de exposição, mais de 300 pessoas participaram da programação de debates e oficinas nos mais variados formatos e temas da agenda socioambiental.

No site da Mostra é possível conferir todos os produtos, bem como conhecer os projetos que compuseram a exposição. A ideia é que os resultados e produtos gerados a partir dessas reflexões coletivas sejam o pontapé inicial para os debates do 11o Congresso GIFE – Fronteiras da Ação Coletiva, que acontece de 20 a 22 de maio de 2020.

Saiba mais sobre a 1ª Mostra GIFE de Inovação Social.

Projeto Sustenta OSC

Ações de articulação, advocacy e produção de conhecimento integraram a agenda do projeto Sustentabilidade Econômica das Organizações da Sociedade Civil (Sustenta OSC), cujo objetivo é fortalecer a sustentabilidade econômica e aprimorar o ambiente de atuação das organizações da sociedade civil.

A iniciativa se dá por meio de quatro eixos temáticos: Doação, Fundos Patrimoniais, Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD) e Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC). A partir de ações de produção de conhecimento, comunicação, articulação e incidência para alterações normativas e regulatórias que ampliem as condições para a sustentabilidade política e econômica das organizações da sociedade civil, o projeto visa a construir um ambiente legal, jurídico e institucional saudável para a atuação do campo.

O lançamento de quatro publicações, a realização e participação em diversas reuniões e eventos em algumas cidades além de São Paulo, como Recife e Rio de Janeiro, e a organização de um seminário internacional em parceria com a WINGS e a FGV Direito SP são alguns dos destaques de 2019. Saiba mais.

Série O que o ISP pode fazer por…?

Para chamar a atenção dos investidores sociais privados para a importância de agendas em que a atuação do setor ainda é tímida e apoiá-los na introdução ou no aprofundamento dessa atuação, em 2019, o GIFE lançou a série O que o ISP pode fazer por…?.

Com um leque de oito temas, a iniciativa envolve a produção de insumos para inspirar formas inovadoras e relevantes de intervir na realidade social e ambiental a fim de melhorar a qualidade de vida nas cidades brasileiras.

Ao longo de 2019, foram promovidos encontros de lançamento de quatro dos oito guias produzidos: Cidades Sustentáveis, Equidade Racial, Mudanças Climáticas e Água.

A segunda rodada de lançamentos, prevista para 2020, terá início em janeiro com o tema Gestão Pública, seguido por Direitos das Mulheres, Migrações e Refugiados e Segurança Pública e Justiça Criminal.

Todos os guias e vídeos produzidos e lançados até o momento estão disponíveis no site da iniciativa. Saiba mais.

Redes Temáticas

Espaços de troca de conhecimento e articulação entre atores que investem e desenvolvem projetos em uma mesma temática ou região, as Redes Temáticas do GIFE protagonizaram inúmeras realizações ao longo de 2019, desde reuniões de formação e planejamento estratégico até a construção conjunta de estratégias de advocacy e projetos.

Saiba mais sobre a trajetória das RTs de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente, Gestão Institucional, Grantmaking, Leitura e Escrita e Qualidade para Todos (LEQT), Negócios de Impacto, Saúde e Rede de Investidores Sociais do Interior Paulista.

Conhecimento

Na área de produção de conhecimento, 2019 foi marcado pelo lançamento do Censo GIFE 2018 e do Mosaico – Portal de Dados do Investimento Social, construção da ferramenta Diretrizes de Advocacy, expansão da coleção Temas ISP, publicação dos Artigos GIFE, entre outras iniciativas.

Com mais de 100 publicações adicionadas ao longo do ano, o Sinapse – biblioteca virtual do GIFE – teve mais de 134 mil downloads e atraiu 143 mil novos usuários. Saiba mais.

Related news

Qualidade do ambiente legal para atuação da sociedade civil é tema de debate

O painel “Ambiente legal para atuação da sociedade civil” reuniu atores, nacionais e internacional, da sociedade civil e também do investimento social privado (ISP), para debater a qualidade do ambiente legal de atuação das OSCs, propondo um diagnóstico sobre o Brasil e outros países acerca das oportunidades e dos principais desafios para seu aprimoramento.

Frente de articulação sobre ITCMD é tema do Grupo de Discussão do projeto Sustenta OSC

A Fundação Tide Setúbal recebeu o primeiro encontro de 2019 do Grupo de Discussão do projeto Sustentabilidade Econômica das Organizações da Sociedade Civil (Sustenta OSC). O destaque da reunião foi o debate sobre a criação de uma frente de articulação sobre ITCMD. Também foi realizada uma breve retrospectiva do ano anterior, além da análise das principais proposições legislativas de interesse do projeto como a Lei 13.800, que regulamenta os Fundos Filantrópicos, e a MP 870/2019, que reconfigurou as atribuições no governo.

Apoio institucional